"O Limite Termodinâmico" - Prof. Marco Antonio Amato

A Mecânica Estatística tem como objeto de estudo os sistemas físicos com grande número de constituintes (N ~ 6,02 x 1023) e em geral despreza os efeitos de superfície. Por outro lado, no caso das Mecânicas Clássica e Quântica temos N ~ 3. O contraste entre a generosidade e a parcimônia com N é evidente nos dois casos.

Tecnicamente, os resultados obtidos em mecânica estatística são exatos para sistemas infinitamente grandes no "limite termodinâmico". A importância destes resultados geralmente não é discutida com propriedade nas disciplinas dos cursos de graduação.

Neste colóquio iremos discutir alguns "paradoxos" da mecânica estatística e utilizar o limite termodinâmico para resolvê-los apropriadamente.